Economia, Trabalho

Renda do Trabalhador aumenta 30 % em 2012

Mesmo com a notícia veiculada pelos grandes meios de comunicação de que o PIB brasileiro cresceu “miséros um por cento” existe uma outra informação que pode calar a paranoía econômica dos colunistas econômicos da mídia patronal , o do aumento da renda média do trabalhador brasileiro em 30 % ,viviamos antes de um mal em toda história deste nosso país e este mal era que o bolo crescia e não era dividido para todos brasileiros e sim concentrado nas mãos de poucos grupos econômicos dominantes , hoje temos uma mudança na pirâmide social  e uma mudança na concepção de gerir um estado ,antes os pobres eram vistos como o problema , hoje eles podem ser a solução como disse Lula em conferência em Havana.

O rendimento médio real habitual dos ocupados (R$ 1.805,00) caiu 0,9% em comparação com novembro. Frente a dezembro de 2011, cresceu 3,2%. A média anual do rendimento médio mensal habitualmente recebido no trabalho principal foi estimada em R$ R$1.793,96, o que correspondeu a um crescimento de 4,1%, em relação a 2011. Entre 2003 e 2012, o poder de compra do rendimento de trabalho aumentou em 27,2%.

O rendimento domiciliar per capita aumentou de 2011 para 2012 (R$1.211,33) em 5,2%. De 2003 para 2012, o crescimento chegou a 42,6%.

A massa de rendimento real habitual (R$ 42,7 bilhões) apresentou queda de 1,0% em relação a novembro. Em comparação a dezembro de 2011, a massa cresceu 6,5%. A massa de rendimento real efetivo dos ocupados (R$ 46,2bilhões), estimada em novembro de 2012, subiu 7,3% no mês e 6,7% no ano.”  – Informações da Agência Brasil 

 

Dados do IBGE sobre desemprego e outros :

http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/noticia_visualiza.php?id_noticia=2314&id_pagina=1

 

Trabalhador Brasileirp

Anúncios
Padrão
Economia, Trabalho

Salários no Brasil aumentam dobro da média Mundial diz OIT.

Organização Internacional do Trabalho afirma nesta sexta que os salários no Brasil aumentaram o dobro da média mundial .

Os aumentos reais do salário no Brasil segundo o relatório da OIT tirando a inflação tiveram ganho de  2,7 % em 2011, no mundo todo a média foi de 1.2 % ano passado.

O estudo revela também que as economias  “desenvolvidas” tiveram contração de seus salários em 2008 e 2011  de 0.5 % , o Relatório dos Salários Mundiais 2012/2013 diz que os dados positivos da América Latina foram influenciados fortemente pelos resultados positivos da Economica Brasileira.

O Relatório também informa que em 2008 ,dez dos quatorze países latino americanos tiveram contração nas médias salariais,enquanto isso no mesmo ano no Brasil o aumento real foi 3.4 %.

No entanto ainda há disparidades entre os salários de trabalhadores nos países emergentes e os dito desenvolvidos.

Padrão